Cacimbas-PB: Acontece neste sábado dia 21 a Campanha de Vacinação conta a raiva

Compartilhe!

Acontece na manhã deste sábado dia 21/10 na cidade de Cacimbas no sertão do estado, a intensificação da campanha de vacinação contra a raiva para cães e gatos. A equipe de saúde, através da secretária, Geiza da Cunha Alves, bem como dos vacinadores, Manoel Carlos e Suzana Leite, convocam os proprietários responsável pelos animais domésticos, a fim de imuniza-los contra a doença.

Vacinar é um ato de amor e responsabilidade com o seu animalzinho de estimação, prevenir ainda é o melhor remédio. A ação acontece na Unidade de Saúde Maria Nazaré da Cunha a partir das 8 horas da manhã e é destinada a cães e gatos acima dos dois meses de vida, as fêmeas prenhas ou amamentando seus filhotes, também podem ser vacinadas. A meta do Ministério da Saúde é imunizar 80% dos felinos.

Segundo estudos realizados sobre o tema, o vírus da raiva é considerado perigoso e letal, ou seja, uma vez instalado no organismo da pessoa ou do animal contaminado não tem cura e pode matar em poucas horas. A única solução eficaz para barrar o problema, é vacinar os bichos todos os anos por eles serem considerados agentes de transmissão da raiva. Animais silvestres como: morcegos, macacos, saguins, raposas, tacaca, lobo guará, dentre outros, também podem repassar a doença.

A falta de controle da fauna brasileira dificulta ainda mais a erradicação do vírus da raiva que tem alto poder de contaminação e destruição do sistema nervoso central dos animais e até dos humanos. As equipes de saúde já realizaram a imunização de mais de mil animais entre cães e gatos nas comunidades rurais e reforçam o apelo para os donos que ainda faltam vacinar seus bichos para procurarem os serviços de saúdedisponíveis.

A vacina é contra indicada para animais doentes ou que estejam sendo medicados por antibióticos ou anti-inflamatórios. A Prefeitura Municipal massificou as divulgações da campanha de vacinação por meio da emissora de rádio local, Agentes Comunitárias de Saúde, Agentes de Combate as Endemias, profissionais da Vigilância Sanitária, demais secretarias e das redes sociais. 

SECOM/PMC. Imagem ilustrativa

Data: 
sexta-feira, Outubro 20, 2017 - 09:45
Compartilhe!

Comentários