Condenado por estelionato morava em prédio de luxo e passava cheques sem fundo em pizzaria

Compartilhe!

Delegado Lucas Sá revelou que às investigações começaram há pouco mais de uma semana depois que uma escola privada denunciou o homem Por Hyldo PereiraUm homem de 45 anos foi preso suspeito de estelionato. A prisão de Jerry Abrantes Veloso ocorreu no apartamento dele, em um condomínio de alto padrão, no bairro do Bessa, em João Pessoa. Ele foi apresentado nessa segunda-feira (22), à imprensa da Capital pela Delegacia de Defraudações.Leia mais Notícias do Portal CorreioO delegado Lucas Sá revelou que às investigações começaram há pouco mais de uma semana depois que uma escola privada denunciou o homem. “O pessoal da escola particular disse que Jerry Abrantes apresentou documentos diferentes em várias situações. Eles desconfiaram do caso e denunciaram. Ele foi preso com 9 CPF. A mulher dele estava de posse de mais quatro”, disse.Ainda conforme Sá, o homem é suspeito de emitir cheques falsos a estabelecimentos de João Pessoa. “Ele passou cheque sem fundo em pizzaria, van escolar e em escolas particulares da Capital. O rapaz da van já foi até na casa dele (suspeito) para pegar uma televisão como forma de pagamento pelo transporte”, comentou.Segundo o inquérito da Polícia Civil, o suspeito já foi condenado por estelionato em 2002, mas estava foragido. Jerry Abrantes foi levado para a Penitenciária Flósculo da Nóbrega, o Presídio do Roger, na Capital, por força de um mandado de prisão expedido pela 4ª Vara Criminal. Ele vai responder por estelionato, falsificação de documentos públicos e privado. A mulher do preso será investigada.

    Data: 
    segunda-feira, Junho 22, 2015 - 16:45
    Compartilhe!

    Comentários