Maranhão nega perda de aliados ao governo Temer, mas confirma especulação sobre saída do PSDB

Compartilhe!

Maranhão nega perda de aliados ao governo Temer, mas confirma especulação sobre saída do PSDB

 

Senador reconhece que a situação do partido no governo é instável e diz que há esforço para conter debandada tucana

Por: Thais Cirino

As declarações do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) de que o governo de Michel Temer estaria próximo do fim foi recebida com cautela pelos peemedebistas. O presidente do partido na Paraíba, senador José Maranhão, confirmou que há especulações em torno da debandada tucana, mas negou que haja “algo de concreto até agora”.

Leia mais: Articulação para Maia virar presidente cresce nos bastidores da Câmara 

Maranhão não quis comentar diretamente sobre a fala de Cássio e alegou que todos têm o direito de se manifestar sobre os fatos políticos numa democracia. Em relação à situação do governo federal, o senador foi otimista. “Não me consta que Michel Temer esteja perdendo aliados. Não identifico nenhum movimento no sentido de desapoio ao presidente”, garante.

Mesmo assim, o paraibano reconhece que a situação do PSDB no governo é instável. Maranhão lembrou que o partido já se reuniu para tratar o assunto e que acabou adiando uma decisão definitiva. “Na realidade existe especulação sobre isso (desembarque do PSDB), mas não existe confirmação. O PSDB já se reuniu uma vez para se desligar do governo e concluiu adiando a sua decisão. Se essa decisão vai se dar só quem pode responder são os próprios líderes do PSDB”, avalia.

O presidente do PMDB no estado, informou que existe um trabalho para conter a sangria e que este esforço é conduzido “especialmente aqueles que estão na direção do partido”.

Data: 
sábado, Julho 8, 2017 - 00:00
Compartilhe!

Comentários