Morre a professora Verdande Wanderley (Dandoca)

Compartilhe!

Morre a professora Verdande Wanderley (Dandoca)

 

 

Morreu por volta das 5:30 horas deste domingo, 11, no Hospital Napoleão Laureano, em João Pessoa, a professora patoense Verdande Wanderley da Nóbrega, de 57 anos, filha do saudoso casal doutor Redi Wanderley da Nóbrega e Maria Egione Araújo da Nóbrega.

Dandoca, como todos a chamavam, tinha quatro irmãos: Glauco,  Emanuel, Redy e Taciano Wanderley.

Trabalhava no SESI, mas estava afastada para cuidar da saúde. Lutava contra um câncer.

Era formada em Licenciatura Plena em Letras, foi professora por muitos anos  e era conhecida pela polivalência. “Minha irmã fazia de tudo, bordados, enxoval de criança, cartões, tudo ela fazia. Era muito inteligente e muito humana, inclusive tratava os sobrinhos como se fossem filhos dela”, disse o irmão Taciano Wanderley, aos prantos.

O translado do corpo está acontecendo nesse momento. Deverá chegar à Patos por volta das 16:30 horas deste domingo, 11, segundo informações da sua afilhada Rivania de Sousa Lucena.

A família informou que o corpo será velado na Central de Velórios da Funerária São Miguel, no Bairro do Belo Horizonte; e o sepultamento será amanhã (segunda, 12), no Cemitério São Miguel, às 8:30 horas.

 

 

 

PATOSTV com Folha Patoense

Data: 
domingo, Junho 11, 2017 - 17:30
Compartilhe!

Comentários