Patoense Taciano Wanderley é reconhecido em Brasília pelo seu trabalho na área da acessibilidade

Compartilhe!

Patoense Taciano Wanderley é reconhecido em Brasília pelo seu trabalho na área da acessibilidade

 

  • Taciano Brasília.jpg

A Câmara dos Deputados entregou hoje o Prêmio Brasil Mais Inclusão, destinado a empresas, entes federados (União, estados, Distrito Federal e municípios), entidades ou personalidades que tenham realizado ações em prol da inclusão de pessoas com deficiência. A solenidade será às 11 horas, no Plenário Ulysses Guimarães.

Esta foi uma das mais concorridas edições da premiação e a que conseguiu maior representação nacional, com agraciados do Paraná, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, São Paulo, Rondônia, Distrito Federal, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Paraíba.

Neste ano, o conselho deliberativo do prêmio decidiu, por unanimidade, conceder um prêmio hors concours a Darci Barbosa, esposa do deputado Eduardo Barbosa, que teve sua vida interrompida prematuramente em um acidente automobilístico em julho. Superintendente da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE –BH) em Belo Horizonte, Darci Barbosa militou em defesa das pessoas com deficiência ao longo de sua vida.

O prêmio

O Prêmio Brasil Mais Inclusão é concedido anualmente, durante a semana em que se comemora o Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência (21 de setembro). Os dez vencedores são contemplados com diplomas de menção honrosa.

Metade da premiação é dedicada a empresas, ONGs e entidades, que concorrem na categoria “Mérito João Ribas”. A partir deste ano, a categoria que inclui personalidades e entes Federados passa a ser chamada de categoria “Mérito Darci Barbosa”.

A Câmara vem atuando para promover a inclusão da pessoa com deficiência. Em 2015, foi aprovado o Estatuto da Pessoa com Deficiência (Lei 13.146/15). Também foram criadas a Comissão Permanente sobre Direitos da Pessoas com Deficiência e a Coordenação de Acessibilidade, esta última com a finalidade de fomentar a acessibilidade no País.

Taciano Wanderley

Entre os agraciados deste ano consta o patoense Taciano Wanderley, que é cadeirante e realiza um importante trabalho de inclusão social em Patos e região. Taciano já construiu mais de 700 rampas de acesso em órgãos públicos e comércios de Patos e região.

Taciano foi reconhecido pelo Prêmio Brasil Mais Inclusão, junto com mais quatro pessoas e cinco instituições que têm se destacado pelo trabalho na área da inclusão. Entre os homenageados está Jakcson Ragnar Follmann, ex-goleiro da Chapecoense, que sofreu uma fratura na coluna cervical e teve parte da perna amputada num acidente aéreo que vitimou 71 pessoas próximas a Medellin, na Colômbia.  Follmann  hoje é comentarista esportivo da Fox Sports Brasil.

A indicação do patoense para receber o prêmio foi deputado federal campinense Rômulo Gouveia, do PSD, que disse que “Taciano já merecia receber esse prêmio e esse reconhecimento por todo o trabalho que vem realizando ao longo desses anos”.

Taciano agradeceu pelo prêmio e disse que isso só o incentiva e lhe dá mais motivação para que ele continue lutando por melhores condições de acessibilidade para as pessoas com deficiência.

 

 

 

 

 

 

Folha Patoense com Portal da Câmara dos Deputados

 

Data: 
quarta-feira, Setembro 20, 2017 - 18:00
Compartilhe!

Comentários