Prefeito Dinaldo Filho expõe motivos que levaram à exoneração de secretária de Educação. Escute

Compartilhe!

Prefeito Dinaldo Filho expõe motivos que levaram à exoneração de secretária de Educação. Escute


 
  • Dinaldinho escolha de secretário.jpg

 

O prefeito de Patos Dinaldo Wanderley Filho (PSDB) falou à imprensa patoense e, na oportunidade, foi indagado sobre os motivos que levaram à saída da professora Alana do cargo de secretária de Educação do município.

 Dinaldo Filho comentou que a ex secretária Alana prestou um bom serviço a frente da Educação, inclusive tem bons números apresentados à gestão. Porém, ele não estaria conseguindo conciliar o trabalho que ela desenvolve nas Faculdades Integradas de Patos (FIP), com o cargo na Secretaria de Educação.

Ele ainda citou que diante de uma celeuma criada recentemente, houve a necessidade de exoneração. Mas reforçou que não ficou qualquer mágoa da gestão com a professora Alana. E enfatizou que a pasta necessita de uma pessoa que possa se dedicar integralmente para mostrar ainda mais resultados. 

 Sobre quem poderá assumir o cargo, Dinaldo Filho disse apenas que a pasta seguira interinamente com a professora Zoetânea. Mas deixou escapar que a gestão já possui vários nomes que podem vir a assumir a Educação brevemente. 

Sobre a merenda escolar, o gestor falou que o município pretende adequar a lei para que haja um acréscimo de verba junto ao repasse que já vem do governo federal. A ideia é que essa merenda seja ampliada para que professores e demais funcionários possam também se alimentar no local de trabalho.

No tocante ao rateio da verba do Fundef, o prefeito argumentou que está vendo uma forma viável para que seja feito o repasse aos professores do município. 
 

Saiba mais detalhes na entrevista que segue.

 

Conteúdo liberado para uso de emissoras de rádio, porém pedimos por gentileza que as fontes sejam citadas

 

Matéria por Patosonline.com / Hélio Barbosa

Data: 
segunda-feira, Agosto 21, 2017 - 00:00
Compartilhe!

Comentários